domingo, 4 de março de 2012

295 - Máscaras de um soldado



Talvez as sombras dos teus medos voltaram
Ou a tua luz se apagou
Saiba! Talvez tua máscara de pele caiu
Ou então lhe abandonou

Senhor! Os soldados do amor caíram
Mas nada mudou
Diga senhor! Faz melhor aquele que lhe trai
Ou aquele que se afastou?

Eu vejo um batalhão inteiramente mascarado
Estou contando cada ser, cada viver santificado
Estou me confundindo, acho que estão mentindo
Eu não vou mais aturar este horror!

Armas apontadas e atiram sem pensar
E até matam o inimigo e dizem ter o dom de amar
Eles irão continuar, pois acreditam ter a luz
E também podem acreditar que morreram numa cruz

Rogai por nós!



*Letra musical cifrada - Adrian Mcoy

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique aqui e comente!

Pesquisar neste blog