sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

285 - O deserto do real



Tira essa máscara do rosto
revele tua verdade para mim
Largue esse teatro de viver
Pare, enfim, de ser tão baixo assim

Mas se você não aguenta
É porque nem ao menos tenta
O teu fingir dominou o teu viver

Porém você não admite
Nem que eu fale, nem que eu grite
Há uma coisa que você tem que saber:

Fantasia... Não vai lhe ajudar no dia mal
Quem diria? Benvindo ao deserto do real

Fantasia... Que tal me ouvir e despertar?
Eu sabia... Você não é capaz nem de amar




*Letra musical cifrada - Adrian Mcoy

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique aqui e comente!

Pesquisar neste blog