segunda-feira, 23 de maio de 2011

183 - Meu símbolo de amar


Nunca esquecerei o teu sorriso
Frente as lagoas, madrugada
Contigo eu visitei o paraíso
Minha vida nunca foi tão transformada

Estavas tão linda de vestido
Es tão maravilhosa ao cantar
Quem seria o louco e destemido
Que se atreveria a te magoar?

Quem? Eu lhe pergunto sem maldade
Será teu para sempre, sem engano
Você nunca saberá desta verdade
Mas tenha a certeza que eu te amo

Minha vida...
Sonho que eu sonho
Canção que eu componho
Entre dores e lembranças

Vida...
Símbolo de amar
Vamos retornar
pra quando éramos crianças

Meu amor; o meu ser é todo teu



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Clique aqui e comente!

Pesquisar neste blog